Home / Brasil / UFC 198: Werdum não supera Miocic e é nocauteado no primeiro round e cala estádio em Curitiba
Clique e Saiba mais

UFC 198: Werdum não supera Miocic e é nocauteado no primeiro round e cala estádio em Curitiba

Miocic
Miocic é o novo campeão dos pesados. Foto: Divulgação/UFC

O clima era de festa na noite de ontem (14). O desempenho dos brasileiros nas primeiras lutas do UFC 198, em Curitiba (PR), havia deixado a torcida empolgada, e o principal astro da noite, Fabrício Werdum, parecia disposto a dar um gran finale ao público. Mas, ao fim do evento, o clima era de tristeza na Arena da Baixada, já que Stipe Miocic, desafiante pelo título dos pesados, conquistou o cinturão com um nocaute clássico.

Werdum aparentava grande tranquilidade durante o evento. Entrando com a música do “Tema da Vitória”, famosa por tocar na televisão durante as vitórias brasileiras da Fórmula 1, o campeão homenageava Ayrton Senna com uma bandeira nas costas. Já Miocic, obviamente, era amplamente vaiado pela torcida.

O começo da luta teve bastante estudo das duas partes. Werdum apostava em alguns chutes, tanto na perna quanto no corpo, e chegou a acertar alguns bons diretos em Miocic. O desafiante tentava responder, mas parecia mais cauteloso.

Perto da metade do primeiro round, Werdum encurralou Miocic na grande e partiu para cima com golpes de mão, de forma atabalhoada. Contragolpeador cirúrgico, o norte-americano de ascendência croata acertou um direto certeiro no queixo de Werdum, que já caiu nocauteado. O cinturão dos pesados tinha novo dono.

“Gostaria de agradecer à torcida em Curitiba. Sei que vocês não estavam torcendo por mim, mas são vocês que fazem o show. Muito obrigado! Cleveland, nós conseguimos! Somos campeões mundiais”, comemorava Miocic, já com o cinturão atrelado ao seu corpo.

Werdum, por sua vez, adotou um discurso humilde. “Tenho que admitir que o Miocic foi melhor que eu hoje. Vou fazer de tudo para voltar aqui. Vou voltar com tudo e conquistar o cinturão de novo”, disse.

Agora, o Brasil conta com apenas um cinturão no UFC: Rafael dos Anjos, na categoria dos leves. Nos próximos meses, dois brasileiros terão a oportunidade de conquistar títulos: em julho, Amanda Nunes desafia Miesha Tate pelo título galo feminino, e Cláudia Gadelha pega Joanna Jedrzejczyk entre os palhas.

Resultados completos do UFC 198:

CARD PRINCIPAL

Stipe Miocic nocauteou Fabrício Werdum (soco) aos 2min47s do R1

Ronaldo Jacaré derrotou Vitor Belfort por nocaute técnico (socos) aos 4min38s do R1

Cris Cyborg nocauteou Leslie Smith com socos 1min21s do R1

Maurício Shogun derrotou Corey Anderson na decisão dividida dos juízes

Bryan Barberena derrotou Warlley Alves na decisão unânime dos juízes

CARD PRELIMINAR

Demian Maia finalizou Matt Brown com um mata-leão aos 4min31s do R3

Thiago Marreta nocauteou Nate Marquardt com socos aos 3min39s do R1

Francisco Massaranduba derrotou Yancy Medeiros na decisão unânime dos juízes

John Lineker derrotou Rob Font na decisão unânime dos juízes

Rogério Minotouro nocauteou Patrick Cummins com socos aos 4min52s do R1

Serginho Moraes empatou com Luan Chagas na decisão dividida dos juízes

Renato Moicano derrotou Zubaira Tukhugov na decisão dividida dos juízes

Ronaldo-Jacaré1
Ronaldo Jacaré derrotou Vitor Belfort por nocaute técnico (socos) aos 4min38s do R1 / Foto: Divulgação/UFC

banner para topo da materia em png-800x126

Fonte: Super Lutas

Veja Também

Terra Roxa – Secretaria de Saúde Municipal informa Boletim Covid-19

Banner: Divulgação