Home / Comportamento / Mulher que se casou com fantasma de pirata precisa de ‘exorcismo’ para se divorciar
Clique e Saiba mais

Mulher que se casou com fantasma de pirata precisa de ‘exorcismo’ para se divorciar

Amanda Teague no casamento com um pirata de mais de 300 anos / Foto: Reprodução

Amanda Teague se casou com uma versão de Jack Sparrow. Só que ele não lembra muito o famoso pirata do Caribe vivido por Johnny Depp no cinema. Na verdade, ele não se parece com ninguém. Simplesmente porque o Jack de Amanda é um fantasma de pirata de 300 anos!

Jack foi executado no início do século 18 por pilhagem. Foi assim que ele se apresentou a Amanda. A paixão fulminante terminou em casamento. Alguns meses depois, veio a crise e o casamento terminou. Mas não foi fácil se livrar do pirata fantasmagórico, que ameaçava matar a amada se ela o abandonasse.

A profecia começou a se cumprir no fim do relacionamento, quando o fantasma sentiu que seria largado. Do nada, Amanda começou a ter feridas genitais sempre que fazia sexo com Jack. O quadro piorou e a norte-irlandesa de 47 anos desenvolveu sepse, precisando ser submetida a colostomia. Para agravar, veio a cirrose e o intestino perfurado.

Amigos deram o diagnóstico: Amanda estava possuída. O exorcismo era a terapia mais indicada por eles para o casamento efetivamente chegar ao fim com um divórcio litigioso. Assim foi feito. Em dezembro do ano passado, Amanda foi exorcizada.

“Achava que ele era um espírito adorável, que não faria mal algum a mim”, disse ela, em reportagem do “Metro”.

Depois de se livrar do espírito do pirata, a saúde de Amanda começou a melhorar, segundo o relato dela.

“Aquilo (as feridas) não sara sem cirurgia, mas o exorcismo curou”, comentou ela, que ganha a vida como sósia de Jack Sparrow.

Fonte: Extra/Globo

Veja Também

Cancêr; Atividade que os homens adoram ajuda a prevenir o cancêr de próstata

Foto: Reprodução