Home / Brasil / Guarapuava – Polícia diz ter encontrado no interior de SP depósito com armas de quadrilha que fez ataque na cidade

Guarapuava – Polícia diz ter encontrado no interior de SP depósito com armas de quadrilha que fez ataque na cidade

Foto: G1

O Sítio foi descoberto na tarde de ontem terça-feira (19), em Araçariguama (SP). Tentativa de assalto a uma transportadora de valores de Guarapuava, na região central do PR, e o ataque ao 16ª Batalhão da Polícia Militar (BPM) ocorreram de maneira simultânea. 

Policiais do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) de São Paulo descobriram um depósito em um sítio no interior de SP ligado à quadrilha suspeita de atacar o 16ª Batalhão da Polícia Militar de Guarapuava (PR) e uma empresa de transporte de valores. 

De acordo com a Polícia Civil, a propriedade em Araçariguama foi descoberta na tarde de ontem terça-feira (19) e era usada para armazenar armas, coletes à prova de balas e munição. O arsenal estava no sótão da casa principal do sítio, no Jardim Meireles. Ainda conforme a Deic, a suspeita é que parte do armamento foi usada no ataque ocorrido em Guarapuava, no domingo (17). Um caseiro estava no local, mas, segundo a polícia, ele não tinha conhecimento do arsenal, que tinha armas de grosso calibre, inclusive, uma metralhadora .50 capaz de derrubar uma aeronave. 

Também foram encontrados muita munição, três silenciadores e um conjunto superior de um fuzil. O dono da propriedade não foi localizado. O caseiro foi ouvido e liberado. 

Terror em Guarapuava

Na noite de domingo (17), mais de 30 criminosos fortemente armados tentaram assaltar uma empresa de transporte de valores, segundo a Polícia Militar. Dois policiais e um morador ficaram feridos. A PM acredita que o assalto tenha sido motivado porque há grande montante de dinheiro na sede da Proforte. Os assaltantes fizeram moradores reféns e fecharam os acessos da cidade.  Ainda conforme a PM, os criminosos estavam equipados com mochilas de mantimentos, kits de primeiros socorros e capacetes balísticos.

O ataque ao 16ª Batalhão da Polícia Militar também ocorreu na noite do último domingo. O comandante-geral da PM, coronel Hudson, afirmou que foram apreendidos oito veículos, sendo cinco blindados, sete fuzis, dois ponto 50, e capacetes balísticos.

Fonte: G1

Veja Também

Saúde – Tentando atrasar a chegada da varíola dos macacos, Anvisa pede retorno de máscaras

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil