Home / Brasil / Paraná – Governador diz que em até 48 horas todos municípios estarão vacinando
Clique e Saiba mais

Paraná – Governador diz que em até 48 horas todos municípios estarão vacinando

Vacinas / Foto: Imagem do Vídeo da RPC TV

O governador do Paraná, Ratinho Junior, disse que até quinta-feira (21) todos os municípios terão começado a vacinar contra Covid-19. A distribuição das doses para as regionais de saúde começou na manhã desta terça-feira (19).

“Os consórcios municipais do Paraná funcionam muito bem. Desde o início fizemos essa estratégia com os municípios, conversando com os prefeitos. Hoje a vacina começou a chegar em muitos municípios do Paraná e a gente acredita que no prazo de 24 horas a 48 horas todos os municípios do Paraná estarão vacinando”, disse.

Em entrevista à RPC, Ratinho Junior disse o estado está entregando as vacinas por meio de aeronaves. Entretanto, nos municípios em que o tempo está chuvoso, as doses serão distribuídas com auxílio de caminhonetes.

O governador destacou ainda que o início da vacinação é um marco histórico. A primeira remessa com 265 mil doses de vacina chegou ao Paraná na noite de segunda-feira (18).

“Ontem foi a luz no final do túnel. Toda população, sociedade como um todo, há dez meses nessa angústia, esperávamos por esse dia da vacinação”, disse o governador .

Ratinho Junior, governador do Paraná, fala sobre vacinação no estado — Foto: RPC/Reprodução

A vacinação contra a Covid-19 no Paraná teve início com a imunização de uma enfermeira. Mesmo assim, o governador reforçou que a pandemia continua e todos precisam manter as medidas de combate ao novo coronavírus.

De acordo com a Secretaria de Estado da Saúde (Sesa), até segunda-feira, o Paraná registrou 499.777 casos confirmados do novo coronavírus e 8.982 óbitos pela doença.

“O fato de começarmos a vacinar ontem, não quer dizer que as pessoas possam relaxar, andar sem máscara, fazer aglomerações. Nós temos ainda algumas fases a serem vencidas. Que é a produção da vacina, demora alguns dias, meses, para que tenha a vacina suficiente para vacinar a população do Brasil e do Paraná. Esses cuidados que a população do Paraná tem tido ao longo dos meses, tem que ser reforçado até que todo mundo possa ser vacina ou a grande maioria, para que possa ter imunização.”

Sobre o restante das doses para atender toda a população do Paraná, conforme Ratinho Junior, o estado aguarda liberação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para a compra e produção da vacina russa Sputnik V.

Campanha de vacinação

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou no domingo (17), por unanimidade, o uso emergencial das vacinas Coronavac e da Universidade de Oxford contra a Covid-19.

A campanha de vacinação contra a Covid-19 no Paraná começou na segunda-feira, em Curitiba, quando a enfermeira da linha de frente do combate à pandemia Lucimar Josiane de Oliveira, de 44 anos, recebeu a primeira dose do estado no Hospital do Trabalhador.

O início da campanha estava previsto para acontecer simultaneamente em todo o Brasil na quarta-feira (20), mas o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, autorizou que os estados adiantassem a imunização para segunda-feira.

Nesta primeira fase, a Secretaria Estadual da Saúde (Sesa) prevê que 126 mil pessoas sejam imunizadas. Cada uma delas receberá duas doses da vacina. O cálculo também leva em conta um índice de 5% de perda técnica.

Fonte: G1 Pr

Veja Também

Curitiba – Guarda Municipal fecha festa com aglomeração de cerca de 200 pessoas

Festa com cerca de 200 pessoas foi fechada, em Curitiba / Foto: Arquivo pessoal