Home / Brasil / Cantor sertanejo do Paraná é preso suspeito de integrar quadrilha que fraudava contas bancárias
Clique e Saiba mais

Cantor sertanejo do Paraná é preso suspeito de integrar quadrilha que fraudava contas bancárias

Agentes apreenderam computador e vários itens em uma casa em Vargem Grande, na Zona Oeste do Rio / Foto: Reprodução / TV Globo

Dezoito pessoas foram presas, na manhã desta segunda-feira (17), por suspeita de participação em uma quadrilha responsável por furtar mais de R$ 30 milhões de contas bancárias em um ano.

Em Ponta Grossa, no interior do Paraná, foi preso o cantor sertanejo Rick Ribeiro. Ele seria um dos hackers do grupo e usaria o dinheiro das fraudes para financiar seus clipes.

Computadores e telefones celulares foram apreendidos na casa de alguns suspeitos presos no Rio de Janeiro.

A operação é da Polícia Civil e do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro.

No RJ, as ações se concentram em Vargem Grande e no Recreio dos Bandeirantes, na Zona Oeste; e nos municípios de Barra Mansa, Volta Redonda e Angra dos Reis. Mandados estão sendo cumpridos também em São Paulo, Bahia, Ceará, Santa Catarina, Paraná e Pará.

Os envolvidos responderão por lavagem de dinheiro, furto qualificado e organização criminosa.

Fonte: G1 / Felipe Freire e Diego Haidar, TV Globo

Veja Também

Esporte – Começa a cerimônia de abertura das Olimpíadas de Tóquio

Foto: Getty