Home / Notícias / Santa-helenense após 1 ano e 7 meses preso prova sua inocência e quer justiça
Clique e Saiba mais

Santa-helenense após 1 ano e 7 meses preso prova sua inocência e quer justiça

quisoque1c1 (1)
Adenilson permaneceu 1 ano e 7 meses de prisão em regime fechado na cadeia da 20º subdivisão da Polícia Civil na cidade de Toledo / Foto: FocoSH

O morador de Santa Helena Adenilson Marques provou perante o tribunal sua inocência em um caso de tráfico de drogas e porte ilegal de armas ocorrido no ano de 2014 no dia 09 de junho, na cidade de Marechal Cândido Rondon.

Adenilson que trabalhava como Agente Penitenciário na cidade de Marechal Cândido Rondon, na época teve o mandado de prisão preventivo expedido pelo Juiz de Direito, Dr. Clairton Mário Spinassi, em decorrência de uma investigação desenvolvida pela Polícia Civil de Marechal Cândido Rondon.

Adenilson tinha em sua residência em Santa Helena, uma pistola calibre 380, dois carregadores e munições.
Como ele já tinha sua prisão preventiva decretada pela justiça de Marechal Cândido Rondon, acabou sendo preso também pelo crime de porte ilegal de arma.

Após 1 ano e 7 meses de prisão em regime fechado na cadeia da 20º subdivisão da Polícia Civil na cidade de Toledo, Adenilson provou sua inocência pelo porte ilegal de arma e pelo crime de tráfico de drogas, sendo o mesmo inocentado e concedido seu alvará de soltura, diante aos fatos, Adenilson procurou os meios de comunicações da cidade para mostrar sua inocência.

Ele relatou que entrou com uma ação judicial contra o Estado do Paraná pela falsa acusação, onde seguirá em um processo judicial para reparar danos morais e difamação por conta do sistema.

Adenilson  relatou que quer retomar sua vida normal e seguirá pelo caminho correto da justiça, trabalhando e constituindo uma família.

22-09-2015- banner -amarelo- naldo - madrid- som-dj-banner-centro-da-materia-775x168

Fonte: Foco SH

Veja Também

Cafelândia – Homem é morto a golpes de faca

Foto: Divulgação